Como ter uma venda bem sucedida

27/10/2021
Image

Nossos empreendimentos nascem de um sonho. E muitas vezes é preciso coragem para tirar nossos sonhos do papel e colocá-los em prática. 
E todos os dias vamos à luta para avançar um pouquinho mais, afinal, ao empreender queremos ter bons resultados. 
Mas para bons resultados é preciso ter venda. Sem venda, sem clientes nosso negócio é em vão. 
Mas sabia que a grande maioria dos seus clientes não retornam à sua loja por conta do atendimento? Assim como nós desejamos ser bem atendidos, nossos clientes esperam o mesmo. É muito comum o atendimento do proprietário ser impecável e de sua equipe não, porque infelizmente sua equipe não se sente parte do negócio, não sente que faz a diferença e sem o sentimento de pertencimento ele não conseguirá realizar boas vendas. 
Por isso, queremos te apresentar alguns passos para realizar uma venda bem sucedida.

- Seus atendentes devem se sentir pertencentes:

 

Como assim se sentir pertencente?
Quando um colaborador é contratado, o sentimento dele na sua empresa deve ser maior que apenas receber um salário. Ele tem que sentir que faz a diferença na empresa e na vida das pessoas.
Esse sentimento tem que estar presente na cultura da empresa, permeando todos os setores e colaboradores.
Através disso, eles conseguirão vender mais que produtos, eles venderão soluções. 

 

- Crie conexões: 

 

Isso mesmo, assim como seus colaboradores gostam de se sentir pertencidos, os clientes que adentram à sua farmácia desejam ser bem recebidos. 
Uma forma de se sentir bem recebido é criar conexão.
Hoje mais do que nunca, encantar nosso cliente é humanizar o nosso contato com ele, é entender o motivo pelo qual ele nos escolheu e como podemos ajudar.
Pensando no nosso segmento farma, criar conexão é fundamental, afinal, muitos entram na nossa farmácia como um pedido de ajuda.
Ex: Seu cliente não quer apenas um remédio para dor de cabeça, ele quer o mais indicado para ele e que traga efeito rápido, sanando sua dor. 

Sem conexão é apenas mais um produto vendido. 

 

- Ouça: 

 

Muito conectado ainda com a conexão, nossos clientes desejam ser ouvidos.
No momento do atendimento, busque ouvir seu cliente, o motivo pelo qual ele precisa de tal medicamento ou perfumaria.
Os dias andam tão corridos, que não prestamos mais atenção no outro, não somos mais ouvidos. 
Faça diferente do padrão, ouça seu cliente, mesmo que seja um assunto que não tem haver com produto, mas faça do momento da venda que ele se sinta único e especial. 
E sim, isso pode ser feito e fará a diferença. Sabe aquele básico bem feito, é isso! 

 

- Pergunte:

 

Não tenha vergonha de perguntar como foi o dia do seu cliente, como anda sua vida, sua rotina ( claro, sem ser invasivo). 
Através de perguntas simples como a rotina do seu cliente, saberá identificar o porque de estar precisando daquele remédio.
Por exemplo, um consumidor que entra em busca de remédio para ansiedade, possivelmente está com uma rotina super acelerada, estressante. Talvez no momento da compra você pode dar dicas de como melhorar a respiração, indicar um floral natural ou chás relaxantes. 
Mais uma vez, as perguntas podem não apenas fazer com que o cliente saia satisfeito como pode agregar em sua venda. 

 

- Conheça o perfil dos seus clientes:

 

Saber ler seu cliente é fundamental.
Existem clientes que não querem papo, e outros que querem muito conversar.
Existem clientes que compram por emoção, ou seja, são encantados com os olhos e facilmente adicionam mais coisas em sua cestinha. Mas também existem clientes racionais, que não irão comprar nada além do que está na lista. 
Ler seu cliente faz com que o atendimento seja efetivo para ambos perfis de clientes, sabendo qual a melhor abordagem, e consequentemente ganhando tempo. Afinal, de nada adianta oferecer a farmácia toda para um cliente racional, porque ele não vai comprar e ainda achará chato o atendimento. 

 

- Saiba os preços de seus concorrentes:

 

Hoje os clientes também buscam preço, principalmente com a quantidade de concorrentes que sua farmácia tem.

Saber os preços de seus concorrentes ajudará no atendimento, afinal conseguirá dizer se seu produto está mais barato, se está na faixa de preço. 

 

- Tenha informações confiáveis:

 

O momento de passar segurança ao seu consumidor é quando ele pede mais informações sobre o produto.
Pode ter certeza, que se o atendente começar com eu acho, pelo que sei, parece bom, não gerará nenhuma confiança.
Agora, quando ele sabe do que está falando, o cliente nota a diferença. 
Tenha atendentes munidos de informações, e informações confiáveis. 


 

Receba novidades, dicas de gestão farmacêutica e muito mais!

Posts recentes

Image
24/11/2021
Três pilares para melhorar seu atendimento
Leia Mais