Setembro amarelo: Precisamos conversar!

01/09/2021
Image

Em alguns meses do ano temos um período para falarmos mais profundamente sobre uma causa. 
Setembro por sua vez, é o mês que aborda a prevenção do suicídio. 
Desde 2014, a Associação Brasileira de Psiquiatria – ABP, em parceria com o Conselho Federal de Medicina – CFM, organiza nacionalmente o Setembro Amarelo®.
Infelizmente, muitas pessoas passam situações difíceis na vida, e em momentos em que parece não ter saída, e acabam não falando com alguém ou pedindo ajuda, por isso, precisamos falar. 

 

O cenário: 

São registrados mais de 13 mil suicídios todos os anos no Brasil e mais de 01 milhão no mundo. Trata-se de uma triste realidade, que registra cada vez mais casos, principalmente entre os jovens. Cerca de 96,8% dos casos de suicídio estavam relacionados a transtornos mentais. Em primeiro lugar está a depressão, seguida do transtorno bipolar e abuso de substâncias.
Segundo estudo realizado pela Unicamp, 17% dos brasileiros, em algum momento, pensaram seriamente em dar um fim à própria vida e, desses, 4,8% chegaram a elaborar um plano para isso. 
Além disso, teve um fator que influenciou muito a saúde emocional nos últimos tempos, a pandemia. 
Do dia para noite, precisamos adaptar toda nossa rotina, por conta de um vírus que se alastrou de forma global, produzindo insegurança, afetando nosso controle da própria vida, nossa independência, e tudo isso gerando tensão emocional. 
Além disso, precisamos nos distanciar dos nossos amigos, fomos restringidos de visitar lugares, acometidos com a preocupação de perder algum ente querido, assim como o emprego. Como consequência toda essa alteração de vida, gerou vulnerabilidade, insegurança, medo, dificuldade para dormir, transtornos de ansiedade principalmente com tanto bombardeio da mídia, afetando de forma direta a nossa saúde emocional. 
Um estudo realizado pela UERJ- Universidade do Estado do Rio de Janeiro, sinalizou que os níveis de depressão foram de 4,2% para 8% em apenas um mês. Os níveis de ansiedade foram de 8,7% para 15%. 
Segundo a OMS- Organização Mundial da Saúde, o estresse pelo momento, alterou níveis de irritabilidade, alteração no sono, aumento do uso de álcool e tabaco.
A ansiedade no Brasil atinge mais de 19 milhões de pessoas, dados da OMS. 

Precisamos conversar! 

Ainda é um tabu para muitos, mas precisamos conversar sobre esse assunto, afinal, ele afeta não apenas a pessoa que está passando por isso,mas também aos que estão ao redor.
Acredito que todos nós em algum momento nos questionamos sobre o sentido da vida, principalmente quando estamos passando por algo que nos tira de nosso conforto emocional.
A questão aqui é que não há problema em nos questionar e refletirmos sobre a vida e o sentido dela, mas é o modo como levamos esses questionamentos e como eles nos afetam. 
Quando esses questionamentos nos fazem ver as coisas de forma triste, sem sentido, a vida passa a não ter cor.
Muitos jovens que passam por exemplo que passam pela depressão, nem sabem exatamente o que significa, mas há um vazio tão grande dentro deles, e por se sentirem tão sozinhos é que vem o medo e a vergonha em pedir ajuda, porque não é nada fácil mostrar suas vulnerabilidades. 
Nossos sentimentos e pensamento estão extremamente ligados ao surgimento de alguns sintomas,assim como estresse, baixa estima, redução de energia, mudança de hábitos, alteração no sono, distúrbios alimentares e principalmente ansiedade.

Conversar sobre isso é tão importante, não apenas para os jovens, mas para todas as idades. Normalmente uma pessoa que busca o suicídio, não é porque não ama a vida, é porque precisa de alguma forma fazer com ela pare de doer. 
 

Não tenha vergonha de falar sobre isso, sobre seus sentimentos, não tenha vergonha de fazer terapia, de buscar ajuda psiquiátrica, fazer isso é um ato de amor e coragem com você mesmo! 
Deixo aqui a dica desse livro maravilhoso, que mostra como é importante conversar com alguém ;) 





 

Receba novidades, dicas de gestão farmacêutica e muito mais!

Posts recentes

Image
06/10/2021
Outubro Rosa- A importância dessa causa!
Leia Mais
Image
30/09/2021
Ampliando e gerindo sua rede de farmácias
Leia Mais